sigufpa

Professores fazem treinamento para uso do SIGAA

Professores da Universidade Federal do Pará (UFPA) participaram nesta segunda-feira, dia 13 de fevereiro, do treinamento para a utilização do Sistema Integrado de Gestão de Atividades Acadêmicas (SIGAA). Neste primeiro encontro, realizado no auditório do Instituto de Ciências Jurídicas (ICJ), no Campus Profisssional, os participantes receberam informações referentes ao cadastro de projetos de pesquisa no Sistema, o qual será necessário para concorrer, a partir de 2017, ao Edital do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica e de Desenvolvimento Tecnológico e Inovação (PIBIC).

A implementação do módulo Pesquisa do SIGAA é uma iniciativa da Pró-reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação (Propesp) da UFPA) que, desde 2015, planejava a mudança no processo de submissão de projetos ao PIBIC. O objetivo é desburocratizar esse processo, que antes era feito em papel, encaminhado pelas Unidades à Propesp para cadastro.

Durante o treinamento, que contou com 245 inscritos, surgiram dúvidas e questionamentos em relação ao uso do Sistema para a submissão de projetos. Para a professora Nádia Fialho, da Faculdade de Serviço Social, o encontro possibilitou a apresentação e discussão de posicionamentos diversos em relação ao uso do Sistema. “Isso é muito bom, porque nos permite avaliar os problemas que podem surgir a partir dessa mudança como questões estruturais, conjunturais, técnicas e políticas. A Propesp está de parabéns pela iniciativa e este encontro foi muito importante para discurtimos e tirarmos dúvidas.”

A professora da Faculdade de Medicina, Tânia Chaves, também considerou o treinamento muito positivo para debater o uso de uma nova ferramenta. “Eu entendo que toda mudança e toda reforma realmente passa por um período de ansiedade, de reavaliações e críticas que são bem vindas e necessárias. Muitas dúvidas surgiram, sobretudo em relação à continuidade de projetos e o porque dos pesquisadores colaboradores não poderem submeter propostas no Sistema”, enfatizou.

Para a diretora de Pesquisa da Propesp, professora Germana Araújo Sales, como toda mudança, a utilização do novo Sistema causa estranhamento e o que mais apresentou resistência por parte dos docentes foi o fato de somente os coordenadores de projetos, neste primeiro momento, estarem aptos a submeter propostas ao PIBIC. “Há a possibilidade do Sistema também incorporar os colaboradores, mas não podemos garantir ainda neste primeiro ano, porque isso impõe algumas mudanças na utilização do módulo Pesquisa do Sistema e depende, também, de um tempo maior, que iria retardar o início da submissão ao PIBIC”, explica.

O segundo treinamento para o módulo Pesquisa no SIGAA deverá ocorrer em março e corresponde ao processo de submissão das propostas de projetos. O Edital do PIBIC será lançado no dia 10 de abril e as submissões começam no dia 17 deste mês.

Para efetuar o registro de um projeto no SIGAA, o docente deverá preencher o formulário on-line e anexar os documentos comprobatórios de aprovação do projeto na sua unidade (ata e portaria) digitalizados. O cadastro do projeto no sistema é pré-requisito para a inscrição no PIBIC. “Nós esperamos que a curto ou médio prazo, todas as unidades se adequem ao SIGAA e que desde o início o projeto já seja submetido na Unidade por esse Sistema”, frisou Germana Araújo Sales.

 

 

Texto: Ericka Pinto – Assessoria de Comunicação da UFPA

Fotos: Alexandre Moraes

 
Copyright © 2017 Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação da UFPA. Todos os direitos reservados.